IGUALDADE DE CONDIÇÕES DE ENSINO PARA TODOS OS ALUNOS


Uma reclamação de uma aluna da rede pública, dizia que em sua sala de aula não existe carteira adequada para canhotos. Este é justamente uma das maiores dificuldades encontradas por alunos canhotos, a falta de carteira escolar com braço esquerdo, esta é uma pré-disponibilização involuntária que deve ser respeitada. Diante disto o vereador Edilson Ferreira com a indicação nº 35/2011 solicitou a disponibilização de assentos destinados a canhotos nos estabelecimentos de ensino público (estadual e municipal) e privados.Caso o poder público considere que este é um caso resolvido, então que reveja. É necessário que aconteça esta disponibilidade tanto na rede de ensino pública municipal, como na estadual e privada em nosso município.

O uso predominante de um dos lados do corpo ocorre entre os três e os seis anos de idade. Ela é um dos resultados do amadurecimento do cérebro, uma parte integrante do processo de crescimento. A medida proposta busca permitir igualdade de condições de permanência em sala de aula para todos os alunos, indistintamente, como assegura o inciso I do art. 206 da Constituição Federal. O percentual estimado de canhotos no Brasil é de 10% da população.

NOTÍCIAS NO E-MAIL

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Mais lidas

Instagram