Recadastramento do Bolsa Família não será ampliado novamente


O recadastramento do Bolsa Família, que foi prorrogado do fim do mês de outubro para o dia 30 de dezembro não será ampliado novamente e por isso, as cerca de 35 mil famílias que ainda não compareceram as centrais de cadastramento do programa, devem regularizar a situação. 
O aviso é válido para 38.289 famílias que estão há mais de dois anos sem fazer revisão dos dados, ou tiveram alguma alteração no cadastro. Mudança de endereço ou de renda, localização da escola dos filhos, frequência escolar e composição familiar são informações fundamentais para a boa gestão do programa de transferência de renda.
A Bahia é o estado com maior número de famílias que correm riscos de perder direito ao benefício. Quem se encaixar nesse perfil e não comparecer até a data estabelecida terá o benefício bloqueado em janeiro de 2012 e cancelado em março. 
As famílias que necessitam realizar o procedimento receberam avisos em seus extratos bancários de pagamento e devem procurar atendimento. Em Lauro de Freitas o atendimento é feito na Central do Bolsa ao lado da agência da CAIXA da Estrada do Coco telefone 3288-1086, ou em um dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS).


Centros do CRAS em Lauro de Freitas


Bairro: Vila Praiana, Rua Tiago dos Santos, nº 144 - telefone 3378-0029
Bairro: Itinga, Rua Edgar Paranhos, s/n - Telefone 3288-8987
Bairro: Itinga/CAIC, Loteamento Tarominas, Quadra 04, Lote 57 e 58, nº 412 - Telefone 3365-5626
Bairro: Areia Branca, Loteamento Jaíba, Quadra 03 - Telefone 3291-9249
Bairro: Portão, Rua 2ª travessa do Retiro 7 - Telefone 3369-9960

Quem mora em Salvador deve procurar o Centro de Informação e Atendimento Social (Cias), situado na Rua Djalma Dutra, ou o posto avançado localizado no Instituto Municipal de Educação Professor José Arapiraca (Imeja), na Boca do Rio, das 8h às 17h.

NOTÍCIAS NO E-MAIL

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Mais lidas

Instagram