Profissionais essenciais em uma cidade trabalham sem segurança


Todos gostam de ver a cidade limpa, no entanto, o serviço de coleta de lixo municipal não poderia ser realizado sem a existência dos agentes de limpeza, profissionais que precisam ser mais assistidos e priorizados, não podendo de forma alguma trabalhar dependurados nas plataformas de caminhões coletores sem nenhuma segurança.

Nesta quinta-feira (02), o vereador Edilson Ferreira apresentou o projeto de indicação nº 107/2011, solicitando a instalação obrigatória de recursos para segurança dos garis que trabalham em caminhões coletores.

 -Estamos falando de pessoas, este é um caso de segurança do trabalho que segue sendo ignorado na maior parte do país, pontuou.

A sugestão é a colocação de cancela na plataforma, base onde os agentes ficam de pé, uso de um cinto de segurança adaptado ou cabine dupla nos veículos.

Existe uma série de leis que exigem proteção e tratamento digno ao trabalhador, na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), de 1943, e nos artigos 6º e 7º da Constituição Federal. Em maio deste ano uma ordem judicial proibiu em Florianópolis o transporte de forma insegura destes profissionais, indenização de R$ 100 mil por dano moral coletivo, e multa de R$ 5 mil por cada transporte irregular flagrado.

NOTÍCIAS NO E-MAIL

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Mais lidas

Instagram