Apresentado plano de ciclovias para Lauro de Freitas


Edilson Ferreira se pronuncia durante apresentação do programa | 


Foi apresentado dia 02 deste mês, o plano para implementação do sistema de ciclovias de Lauro de Freitas, com aproximadamente 60 km de extensão e beneficiando todas as localidades. O projeto Cidade Bicicleta prevê a interligação com Salvador, onde serão implantados outros 188 km. Segundo a empresa responsável pelo estudo, TC Urbes, será possível percorrer todo o município em apenas 10 minutos com bicicleta, o veículo mais eficiente em distâncias de até 5 km. As ciclovias terão entre 1,40 e 1,60 metros de largura e poderão ser acessada, em todo município, percorrendo-se no máximo 500 metros. De acordo com o representante da TC Urbes, Rafael Corrêa, Lauro de Freitas está à frente de Salvador no planejamento.


O Projeto está orçado em 40 milhões de reais e deverá ser financiado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal. “Este projeto é muito importante e não diz respeito apenas a mobilidade urbana, mas também à saúde da população e ao meio ambiente” – ressaltou a prefeita, Moema Gramacho. Paralelamente ao projeto com Salvador, a prefeitura de Lauro de Freitas estuda opção particular, para o caso de não haver financiamento para as obras integradas.

O coordenador do Projeto Cidade Bicicleta, da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), Itamar Kalil, a idéia é “facilitar o ir e vir das pessoas propondo um sistema de circulação de grande eficiência e que tende a reverter a massificação do automóvel com todos os transtornos que ela provoca”. O sistema, que inclui ciclovias, ciclofaixas, bicicletários, estações de aluguel e paraciclos, será interligado ao sistema de BRTs, que deverá ser implantado até 2014 no município. O resultado sobre o financiamento do projeto pelo PAC deverá ser anunciado no dia 12 de junho.

Nos últimos dez anos, Lauro de Freitas foi a terceira cidade baiana em crescimento populacional e é a segunda em densidade demográfica, ficando atrás apenas da capital. Apesar de ser o segundo menor município do Estado, com 59km², tem 48 mil veículos emplacadas e outros 12 mil circulando regularmente, o que dá mais de um veículo por km².

O projeto foi solicitado no dia 6 de maio do ano passado pelo vereador Edilson Ferreira durante sessão na Câmara Municipal, através do requerimento nº 72/2010.

NOTÍCIAS NO E-MAIL

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Mais lidas

Instagram